Posted by Mikhail Baraniuk de Queiroz Categories: Marcadores: , ,
Acredito que precisamos de um ponto de referência, um bom exemplo em nossas vidas, que nos ensine a aproveitar melhor a vida sem perder os nossos traços de humanidade.

Meu objetivo é não desenvolver nenhum "papo de igreja"e sim concientizar da melhor forma que muitas de nossas atitudes podem contribuir tanto para o nosso fim como para um novo começo.

As circunstâncias e acontecimentos podem nos aborrecer e trazer insatisfação, mas isto é tudo ao nosso exterior. A pessoa que está dentro de você não quer ficar presa para sempre.



A medida que vi a história de Brian contada no video, tive que escutar algumas músicas do seu novo CD com um pouco mais de atenção e acabei curtindo… O livro que ele escreveu é daqueles que prende a gente pela intensidade da narrativa das loucuras feitas por Brian junto a sua banda (que parecem ter seguido o mantra do rock - sexo e drogas - de modo extravagante) até chegar ao fundo do abismo existencial e à beira do suicídio. Achei curioso que o Brian deixou alguns palavrões (a palavra F) no texto, inclusive um deles dirigido a Deus (algo que poderá chocar os leitores puritanos e até colocar em dúvida a “conversão” de Brian por parte destes) em um momento de frustração e tremenda confusão mental e espiritual. O CD do Head saiu no dia 09/09. O primeiro single Flush já está disponível para download pelo iTunes.

4 Comentario para Para Gregos e Troianos

1 de agosto de 2009 09:33

O SER HUMANO NUNCA ASSUME SEUS ERROS E ENCARA A SI MESMO. SEMPRE BUSCA CULPAR ALGUÉM QUE NO CASO É ESSA ENTIDADE IMAGINÁRIA CHAMADA DIABO. O CRISTIANISMO É UMA PIADA..

SALVE-ME DE QUEM?

1 de agosto de 2009 11:57

Como dizia Mahatma Gandhi "o cristianismo seria incrível se não fossem os cristãos". E estou surpreso, vejo que muitas pessoas sofrem de deficiencia

intelectual por não estarem a parte dentro de assuntos que cosntroem o ser humano. Parece mesmo que evoluie-se para uma classe de imorais a grande massa da

população que é guiada pelos grandes meios de comunicação.

Ora, o cristianismo não é o "dualismo" (guerra entre o bem e o mal) proposto pelo nosso contribuinte Alex. E não sei se é uma deficiencia minha ou uma

qualidade mas defendo ideologicamente qualquer questionamento sobre qualquer assunto, para que prevaleça a verdade.

E confesso alex, não consegui iterpletar o que vc queria dizer com "O SER HUMANO NUNCA ASSUME SEUS ERROS E ENCARA A SI MESMO". Se algém conseguir encarar a

si mesmo, o próprio auterego, então esta pessoa é capaz de assumir erros.

Em qualquer sistema, empregar o medo é a forma fundamental de obter controle. E não é de hoje, exteriorizar um inimigo e lutar contra ele é a mais pura

realidade (já não estamos mais falando de cristianismo aqui). Hitler usou deste recurso para suas conquistas, de que outro modo você levaria uma nação

guerrear? Não sei se você lembra, quando as torres gemeas cairam, o presidente mandou as pessoas fazerem compras. Os impostos financiam a guerra, a guerra

gera lucro e mantem o pais trabalhando, senão as pessoas ficariam paradas. E manter a população alienada faz com que esta roda gire sem parar.

Da mesma forma muitas igrejas não falam de Cristo e do seu amor, apenas falam do diabo, de doenças, de tudo o que for negativo e quer queira ou não vivemos

em um mundo oprimido pela elite e pela nossa propria ignorancia que nos é cômoda, e dessa forma é facil qualquer vitima deste seculo vir a se tornar escravo

deste novo modelo de igreja adotado pelo sistema. Estas igrejas estão longe de Deus, uma delas é a Mundial.

E estar com Deus é muito facil, basta formar uma roda de amigos e dar boas risadas.

Salvar de mim mesmo vai além da tradução ao pé da letra, salvar de mim mesmo é se salvar de mentes vazias e da alienação do mundo que tende a nos corromper

para a total imoralidade a ponto de jamais poder tomarmos nossas próprias escolhas. Salvar para ser livre do sistema.

3 de agosto de 2009 01:33
Este comentário foi removido pelo autor.
3 de agosto de 2009 01:35

Consciência agora se chama Jesus?
Balela... Esse cara ainda vai morrer de overdose, a não ser que ele gaste toda a sua fortuna que ganhou no Korn com tratamento para a desintoxicação.

Materias

Comentarios

Sponsors