Posted by Roberto A Categories: Marcadores: , ,


Na sexta-feira dia 19 de setembro, a partir das 19:00 hs, na Praça do Coxipó haverá uma transformação para melhor de uma das bandas mais interessantes que existem na cena independente cuiabana.

A BANDA


Tiasques é uma banda de rock cuiabana, autoral e independente, como a grande maioria das bandas do gênero, que atuam na capital mato-grossense. Em maio de 2008, completou dois anos de estrada, mas até a presente data, a banda se chamava Pleyades, que após várias reformulações musicais e estruturais – como a saída de integrantes da formação original -, resolveu optar pelo nome, que segundo os membros, sintetiza a mais nova fase vivida, sendo de origem incaica - denominava um corpo permanente de mensageiros, que eram encarregados de ser o elo de comunicação entre os complexos caminhos que se davam de um canto ao outro do vasto império Inca.

Hoje Tiasques é Bruno P. Rodrigues (Teclado/Voz), Alessandro Gomes (Baixo), Cilésio Gunner (Guitarra solo), Juliano Serradilha (guitarra base) e Antonio Carlos (Bateria). O mesmo conjunto, nos anos de 2006 e 2007, realizou vários feitos, dentre eles, destacamos o título de “Banda revelação do Rock Cuiabano em 2006” – em uma premiação organizada por um site especializado de rock -, participações em festivais e grandes eventos, como o Grito Rock 2007 (sendo a segunda mais premiada na ocasião) e a gravação, seguida do lançamento do primeiro Cd-demo, logo no início de 2007, denominado “Sincréticos Ruídos”.

O som é resultado de várias ramificações do rock, destacando-se pegadas de bateria e baixo, influenciadas pelas levadas de Vinnie Colaiuta (ex-Frank Zappa) e Aquile Priester (Angra), uma guitarra com influências do Pop Rock Nacional, outra com levadas Hard Rock (lembrando Led Zeppelin) e um vocal melódico fundido com agressividade, lembrando bandas inglesas como Muse, Radiohead ou Pink Floyd.

As influências musicais do conjunto variam conforme cada integrante. Em uma seleção genérica, apontamos as já citadas Led Zeppelin, Muse, Radiohead, Angra, Deep Purple e Dream Theather.

O repertório é integralmente autoral, com músicas que refletem a gama de influências, citadas acima. Dentre as músicas principais do grupo estão “Pão & circo”, “Dragões & sinos”, “Distantes Sentinelas” e “Sincréticos Ruídos”. Além da grande diversidade sonora, uma característica que chama a atenção são as letras, que ora relacionam-se a conteúdos, escolas ou autores famosos - como a escola “existencialista francesa” -, a personagens literários, tais como “Dom Quixote de La Mancha ” ou a política, no âmbito dos movimentos populares. A última característica é marcante, principalmente pelo fato de Bruno P., o letrista da banda, já ter sido militante do movimento estudantil nacional, tendo contato direto com várias lutas populares e grandes discussões políticas dos últimos anos.

A trajetória musical de cada integrante é fundamental para a síntese das músicas. Todos, já vieram de outros conjuntos: Jihaad, Mão-de-Vecna, Bucéfalo Alquimia e Tchimboré.

“Um cruzamento de mundos, de percepções, cores, sons, um mosaico ou uma região desconhecida, que desperta um turbilhão de sensações. Assim é o mundo que TIASQUES tece em suas melodias ou representações sonoras”, comenta Bruno P., em um momento filosófico.


AÇÕES E PROJETOS


Atualmente Tiasques está em fase de composição e ensaio, mas muito em breve estará entrando no estúdio, para gravação de novas músicas e re-gravação, de acordo com as novas perspectivas do conjunto, das antigas composições. Para o segundo semestre de 2008 já negocia a gravação de um demo-clipe, que potencializará a divulgação da banda, que hoje se dá massivamente pela internet.

Tiasques também faz parte da Cooperativa cuiabana de bandas independentes “Operação Cavalo de Tróia”. Junto à cerca de 10 bandas, promove seus próprios eventos, mídia, distribuição, e contatos com casas de shows, tanto dentro de Mato Grosso, como fora. A Cooperativa é resultado de um momento em que os artistas romperam de vez, com as grandes gravadoras, selos, grandes produtores, e assimilaram a grande revolução fonográfica dos últimos 10 anos, com o advento de tecnologias como a internet, mp3, downloads, dentre outros. Ao lugar de disputar espaços que já são lugares de “cartas marcadas”, as bandas, se organizam e abrem novos espaços, protagonizados, diretamente pelas mesmas. Seria uma inversão dos papéis? Ainda é muito cedo, avalia a Cooperativa. Mas somente pelo fato de existir, causa grandes discussões sobre a área de atuação de artistas “independentes”.

CONTATOS

Fones – (65)84086339 (Bruno P.) e (65)92517652 (Antonio Carlos).

E-mails – brunojihaad@yahoo.com.br / syncronii@hotmail.com

6 Comentario para INFORME CONTA-GOTA OCT: DIA 19 PLEYADES PASSARÁ A SER TIASQUES

Anônimo
10 de setembro de 2008 10:35

Sucesso a Vcs do TIASQUES...!!!!

Ps.: hehehe pensei que o nome TIASQUES éra devido ao nome do dragao do Vingador (Caverna dos Dragoes) hehehe viajem minha o nome é Tia Mate!!kkkk


Abraço.

Tenio

Paulo K
10 de setembro de 2008 11:34

uma banda que estava sumida, mas pode ser considerada uma das mais fodas de Cuiabá!

Ca¨¬¬
10 de setembro de 2008 20:30

Eba, músicas novas!Tomara que seja do mesmo nível das antigas!

Ju
11 de setembro de 2008 11:27

Fotos legais!

=)

12 de setembro de 2008 19:25

Vai deixa o roque cuiabano mais TIASQUEado !!!!!

E viva o hard-rock LIBERTÁRIO !!!!!!!!!!!!!!!!!

abs.

Bruno Pleyades
12 de setembro de 2008 19:58

hhaha valeu galera!

Materias

Comentarios

Sponsors