Posted by Bruno Rodrigues Categories:
“Uma noite em chamas”, eis a frase que melhor define a segunda edição do Luau do Cavalo II...

Pé-Rachado + Tiasques + Branco Ou Tinto.

O evento em si, começou pontualmente as 22:30h, conforme era previsto, com o show da banda Antiguidade Moderna. Por lá já haviam cerca de 100 pessoas, e uma ótima estrutura de som e iluminação estava montada no meio da quadra. Conforme a banda executava suas canções, o público se aglomerava. Então, do meio do show em diante, a galera já dançava na frente do som. O ponto alto do show, foi o momento da “Labirintos”, uma das grandes canções da banda, que sem dúvidas impressionou todos que estavam presentes.

Tiasques_Luau do Cavalo II

Por volta das 23:10h Tiasques assumiu o comando. O show foi pancada do início ao fim, com o público colado ao som para prestigiar a banda, que faz aniversário nesta próxima sexta (25/09) no Clube Feminino. O show foi curto, marcado integralmente por canções autorais – umas bem conhecidas da galera, e outras inéditas. Nas conhecidas, o que podia-se ver era grande parte do público cantando com a banda. Nas menos conhecidas e inéditas, todos ficavam observando a forma que se desenrolavam, com seus arranjos e performances de palco. O destaque do show ficou pra Alessandro Gomes (Baixista) e Maykonn Sauder (guitarrista solo), que no quesito presença de palco e interação com o público, mandaram bem!

Após o show do Tiasques, isso já era quase 00:00h, Hilayama assumiu. Foi anunciar o trio, que uma boa parte do público foi pra frente do som, e ficou lá até a última música. Dentro as canções, intercalaram músicas próprias e outras releituras de suas principais influências, principalmente “Engenheiros do Hawaii”. Da última apresentação da banda, lá no Tour OCT (Cavernas Bar), até esta, a banda deu grandes saltos, nos quesitos presença de palco e entrosamento. Tendência esta, que só tende a aumentar, já que os garotos ensaiam duro, várias vezes na semana. O destaque do show, vai pra Josa Souza, o baixista, que demonstrou muita segurança e amadurecimento no seu posto!

Branco Ou Tinto_Luau do Cavalo II

Após Hilayama, veio a banda Branco ou Tinto, que há duas semanas apresentou seu trabalho no Paraná e Santa Catarina, e que no próximo dia 25/09 vai também comemorar seu aniversário no “Clube Feminino”. Foi soar a guitarra de Welliton, que quase todo mundo que se encontrava nas redondezas colou ao lado do som. O show foi “pedreira”, marcado por canções próprias, e pela grande presença de palco de Welliton, e a bateria violenta de Tubarão. A cada dia a banda está mais redonda e entrosada, não resta dúvidas, e o destaque vai para a nova canção do B.O.T., intitulada “Abominável Inominável”. Parabéns rapaziada, a cada dia é mais nítido que Cuiabá é pequena de mais para bandas tão “grandes” com a de vocês!

Finalizando a noite, por volta das 01:30h, foi a vez de Males de Anto fechar com “chave de ouro”. Muita gente desconhecia o som da banda, mas depois de 2 músicas todos estavam parados, observando aquela mistura de guitarras distorcidas, um ritmo de samba e a voz melódica, clara e concisa, de Carlos B., que lembrava muito algo do tipo “Cazuza” e “Hateen”. O legal é que o show do MDA foi gradual: no início todos observando, no meio todos pulando e dançado, e no final, INVASÃO DE PALCO – nessa hora, a banda já havia anunciado a “saidera”, mas o público presente pediu mais, e aí a banda tocou “Tempo perdido”, do Legião Urbana, quando foi a hora que várias pessoas pularam no microfone pra cantar! Cena muito legal!

Carlos B._Males de Anto

Invasão do palco__Males de Anto

Durante o “Luau do Cavalo II”, ainda aconteceram algumas coisas legais, como a participação do público na pichação de uma faixa branca, ao lado do palco e a grande disposição para conhecer o trabalho que as bandas apresentavam – em todos os shows a galera chegou junto.



Parabenizamos a todos que compareceram, agradecemos mais uma vez a Mikhail Baraniuk (Gotera Desing), à coordenação de cultura da UFMT, que cedeu o espaço e a equipe extra que deu uma força no bar do evento (não tenho com clareza os nomes e para não correr o risco de deixar alguém de fora não detalharei)!

E aguardem... agora só em 2010 rola Luau do Cavalo!!!
Mais fotos do Luau do Cavalo, no

Flickr OCT

Picasa OCT

6 Comentario para Luau do Cavalo II: uma noite em chamas!!!

Anônimo
21 de setembro de 2009 13:51

gostaria de parabenizar a organizaçao do evento pois foi muito legal!As bandas mandaram muito bem e espero que não demore o próximo dentro da uf.beijos

Adriana Menezes

21 de setembro de 2009 13:58

opa, valeu Adriana! O sucesso do evento é resultado principalmente da presença de vocês!

Abração e muito em breve divulgaremos as próximas ações!

Anônimo
21 de setembro de 2009 14:02

aquele de costa cantando na foto nao é o vocalista do sangue nos olhos q até pouco tempo tava pagando pau p/ o cubo?

21 de setembro de 2009 14:56

Eu nem sei oque dizer, fiquei muito feliz quando li a resenha falando do Branco ou Tinto. É muito bom perceber que nosso trabalho está sendo reconhecido, mas claro, sempre mantendo a cabeça no lugar, trabalhando e correndo atrás. Muito obrigado pelas palavras. Com toda certeza, é algo que nos motiva ainda mais para trilhar nosso caminho.

Quanto ao evento, foi sem dúvida uma noite memorável. Muito bem organizada, tendo inclusive banheiro químico. O melhor de tudo foi a galera que estava quente e a cerveja que estava geladíssima.

Parabéns OCT! A gente se encontra sexta-feira lá no Clube Feminino.

Abraço.

Anônimo
21 de setembro de 2009 17:44

foi legal mesmo.

Rodrigo

Anônimo
24 de setembro de 2009 16:23

Foi show de bola a noite luau do cavalo II! vamos fazer o mesmo no aniver do Tiasques e do B.O.T!

Divertir e tomar uma bem gelada!!

Abraço

Tenio
B.O.

Materias

Comentarios

Sponsors